Infográfico do Estadão apresenta questão interessante sobre coligações proporcionais nas eleições 2016 e dança das cadeiras e partidos

Olha que interessante esta matéria informativa. Não fossem as coligações proporcionais, aquelas que unem partidos na tentativa de melhorar o Quociente Eleitoral, o número de partidos eleitos seria menor, com aumento de cadeiras para grandes partidos em detrimento de perdas de vagas pelos partidos menores. Lembrando que ainda há possibilidades de reforma sobre essa temática na “segunda fase” da Reforma Política.

http://politica.estadao.com.br/noticias/eleicoes,fim-de-coligacoes-reduziria-siglas-em-91-das-camaras,10000082326

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s